Declaração

Como fazer a entrega da declaração de imposto de renda

A entrega da declaração de imposto de renda 2019 já tem uma data definida pela Receita Federal.

Todo cidadão brasileiro que recebeu mais de R$28.559,70 ou se enquadra em uma das outras situações tem do dia 7 de março até 30 de abril de 2019 para fazer o envio da declaração. Não houve alteração de tabela mais uma vez.

Como fazer a entrega da declaração de imposto de renda 2019

Como fazer a entrega da declaração de imposto de renda 2019

Para fazer a entrega da declaração de imposto de renda, o cidadão conta com os seguintes meios:

  • Utilizando seu computador ou notebook, com o Programa Gerador da Declaração (PGD), referente ao exercício de 2019. É possível fazer o download do programa no site da Receita Federal;
  • Através do serviço “Meu Imposto de Renda”, que está disponível para tablets e smartphones. Versão para Android / Versão para iOS
  • Poderá enviar ainda de maneira online, através da página do próprio Fisco utilizando certificado digital.

Há alguns anos que as declarações em disquete não são mais aceitas pela Receita. Elas costumavam ser entregues nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal.

Para comprovar a entrega da declaração, o declarante recebe o recibo eletrônico. Ele pode ser gravado no próprio computador onde foi enviado ou então em dispositivos móveis.

Novidades para a declaração do imposto de renda de 2019


Para a declaração referente ao exercício de 2018, o contribuinte deverá informar o número do CPF de todos os seus dependentes. Mesmo que sejam menores de 12 anos.

Também será necessário informar mais dados sobre propriedades como imóveis e também dados de veículos. Para os imóveis, deverá informar o número de matrícula, de IPTU e data de aquisição. Já para os veículos será necessário ter o número do renavam.

Todos os bens e também as dívidas, devem constar na declaração. Saldos em contas correntes inferiores a R$140, bens móveis com exceção de carros, embarcações e aeronaves, com valor inferior a R$5 mil reais não precisam ser declarados.

As dívidas com valor inferior a R$5 mil reais e ações, ativos em ouro ou outros, com valor inferior a R$1 mil reais também não precisam ser declaradas. Estes valores devem ser referentes a data de 31 de Dezembro de 2018.

Não perca o prazo para entregar a sua declaração. A multa por atraso tem o valor mínimo de R$165,74 e pode chegar até 20% do valor total do imposto devido.

Vale lembrar que o quanto antes você fizer a entrega da declaração do imposto de renda, maiores são as chances de receber mais cedo a sua restituição.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!